Mt 21,1-11 - Domingo de Ramos

Mt 21,1-11 - Domingo de Ramos

Mt 21,1-11 - Domingo de Ramos

Preparo-me para a Leitura Orante, rezando com todos

os que navegam pela rede da internet:

Creio, meu Deus, que estou diante de Ti.

Que me vês e escutas as minhas orações.

Tu és tão grande e tão santo: eu te adoro.

Tu me deste tudo: eu te agradeço.

Foste tão ofendido por mim:

eu te peço perdão de todo o coração.

Tu és tão misericordioso: eu te peço todas as graças

que sabes serem necessárias para mim.

Ó Jesus Mestre, Verdade, Caminho e Vida, tende piedade de nós.

1. Leitura (Verdade)

- O que a Palavra diz?

Leia com atenção, na Bíblia, o texto de hoje, Domingo de Ramos: Mt 21,1-11.

Naquele tempo, Jesus e seus discípulos aproximaram-se de Jerusalém e chegaram a Betfagé, no monte das Oliveiras. Então Jesus enviou dois discípulos, dizendo-lhes: “Ide até o povoado que está ali na frente, e logo encontrareis uma jumenta amarrada, e com ela um jumentinho”. Desamarrai-a e trazei-os a mim! Se alguém vos disser alguma coisa, direis: 'O Senhor precisa deles', mas logo os devolverá'''.

“Isso aconteceu para se cumprir o que foi dito pelo profeta: Dizei à filha de Sião: Eis que o teu rei vem a ti, manso e montado num jumento, num jumentinho, num potro de jumenta”:

Então os discípulos foram e fizeram como Jesus lhes havia mandado. Trouxeram a jumenta e o jumentinho e puseram sobre eles suas vestes, e Jesus montou. A numerosa multidão estendeu suas vestes pelo caminho, enquanto outros cortavam ramos das árvores, e os espalhavam pelo caminho. As multidões que iam à frente de Jesus e os que o seguiam, gritavam:

"Hosana ao Filho de Davi! Bendito o que vem em nome do Senhor! Hosana no mais alto dos céus!"

Quando Jesus entrou em Jerusalém a cidade inteira se agitou, e diziam: "Quem é este homem?" As multidões respondiam: "Este é o profeta Jesus, de Nazaré da Galileia".

Este episódio é iluminado por três momentos:

  1.  Chegada de Jesus, o Salvador. Em Isaias se lê: "Vê o teu Salvador que vem chegando" (Is 62,11b).
  2. A entrada humilde do Messias. "Alegra-te, cidade de Sião; aclama, Jerusalém; olha teu rei que vem chegando: justo, vitorioso, humilde, cavalgando um jumento, cria de jumenta" (Zc 9,9).
  3. Hosana de súplica e aclamação. "Bendito em nome do Senhor aquele que vem! Nós vos abençoamos desde a casa do Senhor. O Senhor é Deus, ele nos ilumina. Ordenai um procissão com ramos." (Sl 118,26-29).

 

Jesus é recebido como rei messiânico. Ele aceita. Mas, não monta um espetáculo. O jumentinho era símbolo pacífico e manso.

Os gritos de "Hosana", que eram gritos de socorro, tornam-se então, aclamação. A narrativa diz que, ao entrar Jesus em Jerusalém, a cidade inteira se agitou. e muitos interrogavam: "quem é este homem?" As multidões não tinham dúvida e afirmavam: "é o profeta Jesus, de Nazaré da Galileia".

Não era mais, portanto, uma questão de saber quem era Jesus. Era apenas uma questão de crer e acolher.

2. Meditação (Caminho)

- O que a Palavra diz para mim?

A multidão acolheu Jesus, estendeu suas vestes pelo caminho, enquanto outros cortavam ramos das árvores, e os espalhavam pelo caminho, cantou-lhe hosanas. Em seguida, esta mesma multidão vai gritar: “Crucifica-o”! “Como entender isso”? O que faltou? O que aconteceu? Uma multidão manipulada perde rapidamente suas convicções, muda de lado, muda seus critérios de valor, suas convicções, sua fé.

"Jesus é o Filho de Deus, a Palavra feito carne (cf. Jo 1,14), verdadeiro Deus e verdadeiro homem, prova do amor de Deus aos homens. Sua vida é uma entrega radical de si mesmo a favor de todas as pessoas, consumada definitivamente em sua morte e ressurreição. Por ser o Cordeiro de Deus, Ele é o Salvador. Sua paixão, morte e ressurreição possibilitam a superação do pecado e a vida nova para toda a humanidade. N’Ele, o Pai se faz presente, porque quem conhece o Filho conhece o Pai

(cf. Jo 14,7).”

3. Oração (Vida)

 - O que a Palavra me leva a dizer a Deus?

Oremos juntos: Oração Campanha da Fraternidade 2018.

 

Deus e Pai,

nós vos louvamos pelo vosso infinito amor

e vos agradecemos por ter enviado Jesus,

o Filho amado, nosso irmão.

Ele veio trazer paz e fraternidade à terra

e, cheio de ternura e compaixão,

sempre viveu relações repletas

de perdão e misericórdia.

Derrama sobre nós o Espírito Santo,

para que, com o coração convertido,

acolhamos o projeto de Jesus

e sejamos construtores de uma sociedade

justa e sem violência,

para que, no mundo inteiro, cresça

o vosso Reino de liberdade, verdade e de paz.

Amém!

 

4. Contemplação (Vida/ Missão)

- Qual o meu novo olhar a partir da Palavra?

Quero viver com coerência a minha fé. Ser pessoa de uma só palavra, fiel ao Batismo e ao seguimento de Jesus. Hoje é o Dia da Coleta da Campanha da Fraternidade. Vou levar minha contribuição para que participe de Projetos, em vista de um mundo mais humano.

Bênção

- Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.

- Ele nos mostre a sua face e se compadeça de nós. Amém.

- Volte para nós o seu olhar e nos dê a sua paz. Amém.

- Abençoe-nos Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.